Sangue, suor e lágrimas (e bullying)

Para a sua estreia na longa-metragem, a espanhola Carlota Pereda propõe um thriller intenso e inteligente sobre uma adolescente vítima de bullying

Fotogaleria
Fotogaleria

Imagine a leitora ter nas suas mãos o poder de se vingar das colegas de turma que passam o tempo a humilhá-la e a fazer pouco de si. Estaria disposta a usá-lo?

Sugerir correcção
Comentar