Sabia que o Parlamento não conhece o OE que hoje vota?

É impossível aos deputados e deputadas absorverem esta avalanche e votarem informada e consequentemente num tão curto espaço de tempo.

Em novembro de 2020, no dia seguinte à aprovação do Orçamento do Estado (OE), soubemos que o IVA da alimentação infantil se mantinha em 23%, apesar de na véspera ter sido anunciado que baixava para 6%. A proposta da IL tinha sido aprovada com os votos a favor do PS... só que não. Afinal, o PS tinha votado contra, mas os serviços do Parlamento enganaram-se. Porquê? Porque o processo orçamental português é um caos.

Sugerir correcção
Ler 15 comentários