OE aprovado: Costa vê “bom instrumento para enfrentar a crise”, Marcelo espera para ver

OE2023 foi aprovado na generalidade, com votos a favor do PS e abstenção do PAN e do Livre. Oposição considera que Orçamento não chega para responder à crise.

Foto
O primeiro-ministro e o ministro das Finanças viram o OE aprovado na generalidade esta quinta-feira LUSA/ANTONIO PEDRO SANTOS

Foi como se se tivesse fechado um ciclo. O Governo viu esta quinta-feira o Orçamento do Estado (OE) para 2023 aprovado na generalidade, precisamente um ano depois do chumbo do Orçamento do Estado para 2022. À saída do debate parlamentar, António Costa defendeu que o OE é um “bom instrumento” na resposta à crise económica e social, mas minutos depois, Marcelo Rebelo de Sousa revelou que espera para ver se o documento ainda sofre alterações para acomodar mais ajudas às famílias e avisou para a imprevisibilidade na execução.

Sugerir correcção
Comentar