O comércio mundial de cereais é, afinal, uma história de aventuras

As Guerras do Trigo leva-nos de Odessa ao Kansas, apresentando-nos personagens fascinantes como Catarina a Grande.

Foto
A invasão russa da Ucrânia veio mostrar, mais uma vez, o grau de dependência que temos dos cereais produzidos naquela região. E tornar a publicação em Portugal do livro de Scott Reynolds Nelson particularmente oportuna

Parecia difícil que um tema como o comércio mundial de cereais pudesse resultar num (quase) livro de aventuras, mas Scott Reynolds Nelson consegue essa proeza: em perto de 400 páginas, As Guerras do Trigo (que acaba de ser editado em português pela Zigurate) leva-nos de Odessa ao Kansas, fazendo-nos atravessar os Trilhos Negros ucranianos até aos portos do Mar Negro, apresentando-nos personagens fascinantes como o negociante, aventureiro e historiador Parvus ou a imperatriz russa Catarina a Grande, fazendo-nos descer aos porões dos navios carregados de trigo, e colocando perante pestes terríveis e fomes devastadoras.

Sugerir correcção
Ler 4 comentários