Aniversário a dobrar: Janus, a tartaruga de duas cabeças, fez 25 anos

Janus tem dois corações, dois pares de pulmões e duas personalidades distintas que, por vezes, não concordam com a direcção a seguir. Os cuidadores acreditam que esta é a tartaruga bicéfala mais antiga do mundo.

Foto
A tartaruga de duas cabeças celebrou 25 anos no sábado, dia 3 de Setembro Reuters/PIERRE ALBOUY

Angelica Bourgoin acaricia a carapaça de Janus, sussurrando calmamente enquanto a tartaruga se baixa e esfrega as duas cabeças uma na outra. Celebrou 25 anos no sábado, 3 de Setembro.

Janus, que também tem dois corações, dois pares de pulmões e duas personalidades distintas, não teria sobrevivido por muito tempo na natureza, uma vez que não consegue retrair as duas cabeças para dentro da carapaça para procurar abrigo dos predadores.

Mas no Museu de História Natural de Genebra, na Suíça, onde nasceu em 1997, Bourgoin e a equipa de cuidadores – que acreditam que Janus é a tartaruga bicéfala mais antiga do mundo – podem atender a todas as suas necessidades.

Alimentam-na com salada orgânica e dão-lhe massagens e banhos diários em chá verde e camomila. Para fazer exercício, Janus passeia regularmente, às vezes com música, e anda num skate feito à medida.

Janus passeia ao som de música e anda num skate adaptado REUTERS/Pierre Albouy
Os cuidadores acreditam que a tartaruga não teria sobrevivido muito tempo se estivesse na Natureza REUTERS/Pierre Albouy
Janus celebrou 25 anos no fim-de-semana REUTERS/Pierre Albouy
A tartaruga não consegue recolher as duas cabeças para dentro da carapaça REUTERS/Pierre Albouy
Fotogaleria
REUTERS/Pierre Albouy

“Acho que é por causa da atenção que lhe damos e da nossa devoção que ele ainda está aqui hoje”, afirma Bourgoin.

Mas nem tudo é um mar de rosas para esta tartaruga-grega, que recebeu o nome do Deus romano de duas cabeças.

Está sob vigilância constante para não correr o risco de ficar virada ao contrário, o que poderia ser fatal. Além disto, em 2020 sobreviveu a uma operação para retirar uma pedra da bexiga e as duas cabeças precisam de massagens regulares com vaselina para evitar que fiquem doridas quando se esfregam uma na outra.

As duas personalidades de Janus também dão origem a diferentes tipos de humor e preferências que podem ocasionalmente provocar conflitos, por exemplo, sobre qual a direcção a seguir.

“A cabeça direita é mais curiosa, mais desperta, tem uma personalidade muito mais forte. A cabeça esquerda é mais passiva e adora comer”, revela Bourgoin, acrescentando que uma prefere couves e a outra cenouras.

Sugerir correcção
Comentar