Ambição: uma palavra-chave para o país

Portugal tem à sua frente uma escolha: entre a modéstia conservadora do crescimento lento e a ambição do risco que pode abrir novas portas no futuro.

Se não o é, Portugal está muito perto de ser o campeão mundial dos diagnósticos e das receitas para tirar a economia do crescimento baixo. Só nos últimos meses foram-nos propostos pelo menos dois excelentes documentos de reflexão: o Foresight Portugal 2030, da Fundação Calouste Gulbenkian, e Do Made in ao Created in: Um Novo Paradigma para a Economia Portuguesa, da Fundação Francisco Manuel dos Santos. A Sedes – Associação para o Desenvolvimento Económico e Social junta-se agora ao grupo, com o lançamento de um livro, agendado para Setembro, com o desafiador título Ambição: Duplicar o PIB em 20 Anos.

Sugerir correcção
Ler 35 comentários