Não és homem, não és nada

Pelo realizador de Ex Machina um filme com Eva à solta num país das maravilhas alucinado.

<i>Men</i> é uma variação sobre <i>o thriller</i> da invasão da privacidade
Fotogaleria
Men é uma variação sobre o thriller da invasão da privacidade
<i>Men</i> é uma variação sobre <i>o thriller</i> da invasão da privacidade
Fotogaleria
Men é uma variação sobre o thriller da invasão da privacidade
ipsilon-papel,cultura,ipsilon,critica,cinema,culturaipsilon,
Fotogaleria
Men é uma variação sobre o thriller da invasão da privacidade
ipsilon-papel,cultura,ipsilon,critica,cinema,culturaipsilon,
Fotogaleria
Men é uma variação sobre o thriller da invasão da privacidade

Como metáfora, já vimos melhor: Harper (Jessie Buckley), recém-saída de um evento traumático, aluga uma mansão senhorial nas verdejantes províncias britânicas, com uma macieira no pátio da qual abocanha uma maçã. Pois, Adão e Eva, fruto proibido, etc., etc. E podemos achar que que se segue em Men, a terceira longa-metragem do romancista Alex Garland, é um resultado dessa mordidela.

Sugerir correcção
Comentar