Dependência externa de cereais vai agravar-se no Outono

As campanhas agrícolas estão a ser penalizadas por factores como a seca e o aumento dos custos de produção, cujo impacto é mitigado pelo aumento dos preços de venda dos produtos agrícolas.

Foto
Impacto da guerra na Ucrânia continua a fazer-se sentir no mercado de cereais. Reuters/VALENTYN OGIRENKO

A dependência de Portugal de países terceiros para o consumo de cereais deverá agravar-se a partir do próximo Outono, altura em que a produção nacional desta matéria-prima poderá cair entre 10% e 15%. A previsão é do Instituto Nacional de Estatística (INE), que aponta ainda que o Canadá, o Brasil e a Polónia estão a ocupar o lugar da Ucrânia enquanto fornecedores de milho, um dos cereais onde Portugal apresenta um elevado défice comercial.

Sugerir correcção
Ler 6 comentários