Governo vai gastar 150 milhões de euros para ter SIRESP “mais robusto e resiliente”

O investimento será feito a cinco anos. Destes 150 milhões de euros, 75 milhões correspondem ao concurso que o Governo espera concluir até ao final do ano.

Foto
José Luís Carneiro apresentou o concurso internacional e pediu "sentido de Estado" LUSA/MÁRIO CRUZ

O Governo planeia gastar 150 milhões de euros nos próximos cinco anos para reformular o Sistema Integrado de Redes de Emergência e de Segurança de Portugal (SIRESP), dos quais 75 milhões correspondem ao valor do concurso público internacional apresentado esta segunda-feira pelo ministro da Administração Interna. Depois de em 2019 ter comprado a parte dos operadores privados no SIRESP por sete milhões de euros e estar, desde Julho de 2021, num modelo transitório de gestão, operação, manutenção, ampliação e modernização da rede, o concurso que foi agora lançado deverá dar ao Estado a totalidade da gestão da rede SIRESP.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários