O Fado Bicha chora-se, dança-se e resiste-se

Cinco anos depois de se juntarem, editam o álbum de estreia Ocupação. O resultado é um disco de homenagem, de partilha, de evocação e de resistência. Tudo embrulhado num pacote de fado puro com influências de pop, música de dança e eletrónica.

Foto
Daryan Dornelles�

“Viva às bichas! Viva às putas!”. Entoam esta frase num misto de celebração, resistência e afirmação. O “viva!” que cantam é de vida, de viver. De rejeitar a morte imposta. Morte física, psicológica, cultural ou emocional. Lila Tiago e João Caçador são Fado Bicha, dupla que nasceu em 2017, em Lisboa, e que edita agora o disco de estreia, Ocupação.

Sugerir correcção
Ler 6 comentários