Macron encontra “convergência” com Putin, mas rejeita veto da NATO à Ucrânia

Putin recebeu Macron em Moscovo para uma reunião de mais de cinco horas que considerou útil e da qual saíram ideias que podem permitir avançar as negociações para pôr fim à crise.

Foto
Putin e Macron estiveram reunidos mais de cinco horas no Kremlin Reuters/SPUTNIK

O Presidente francês, Emmanuel Macron, disse ter encontrado pontos de “convergência” com o homólogo russo, Vladimir Putin, para que seja alcançada uma solução para a crise com a Ucrânia. Por seu lado, o líder russo disse que a conversa foi “útil” e que “algumas ideias” de Macron podem ajudar a fazer avançar o processo diplomático.

Sugerir correcção
Ler 34 comentários