Eléctricas capturam clientes empresariais com contratos longos

Grandes comercializadoras dizem que cada vez mais clientes empresariais se estão a deixar convencer por contratos a preço fixo que, nalguns casos, podem chegar a 11 anos.

Foto
ERSE diz que objectivo da liberalização não é a mudança frequente de operador, mas que cada cliente escolha as opções "mais ajustadas" Reuters/Phil Noble

Em tempos de imprevisibilidade nos mercados energéticos, muitas empresas seguiram já o conselho do ministro do Ambiente, Matos Fernandes, optando por assinar longos contratos de fornecimento com valores fixos, para escapar à subida desenfreada dos preços grossistas da electricidade, que ainda não se sabe bem quando acabará.

Sugerir correcção
Comentar