A primeira derrota de Rio após a reeleição como líder do PSD

A lista para o conselho de jurisdição nacional patrocinada pela direcção do partido pediu uma recontagem dos votos na expectativa de ter havido algum engano, mas não. Nuno Morais Sarmento perdeu para Paulo Colaço que foi, de novo, eleito presidente do órgão jurisdicional.

Foto
Lista apoiada por Rui Rio falha eleição para o conselho de jurisdição nacional Anna Costa

O reeleito presidente do conselho de jurisdição nacional (CJN) do PSD, Paulo Colaço, é o responsável pela primeira derrota de Rui Rio após a sua reeleição à frente do partido. O presidente social-democrata apostou em Nuno Morais Sarmento — a quem se referiu como sendo uma pessoa com “qualidade elevada” para liderar a lista patrocinada pela direcção nacional com o propósito de tirar a presidência a Paulo Colaço , mas os delegados ao 39.º Congresso do partido, que decorreu no último fim-de-semana, entenderam que a jurisdição não deveria mudar de mãos.

Sugerir correcção
Ler 5 comentários