Traumas, tempo e o inescapável capitalismo

Axiomático, de Maria Tumarkin, é um livro raro, uma maravilha que rompe com os formatos habituais da não-ficção. Dois objectos mais antigos, Realismo Capitalista, livro de Mark Fisher, e o documentário O Espírito de ‘45, de Ken Loach, põem-nos a pensar: um outro mundo é possível?

Foto
Maria Tumarkin Michael Haas

“O tempo cura todas as feridas”, dizemos uns aos outros. “A história repete-se”, mas “nenhum homem pode banhar-se duas vezes na água do mesmo rio”, proclamamos. São supostos axiomas, ideias tão evidentes que dispensam demonstração. São falsidades, conta-nos Maria Tumarkin, em Axiomático, livro de 2018 editado recentemente em Portugal pela Elsinore.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários