Zemmour já é candidato às presidenciais para “salvar a França” da “grande substituição”

Comentador de extrema-direita oficializa candidatura às eleições de Abril depois de ter dominado o debate pré-eleitoral durante meses. Marine Le Pen sublinha o que os distingue.

Foto
Zemmour vai ser candidato à presidência de França aos 63 anos TOM NICHOLSON/Reuters

Foi numa intervenção para franceses com “a impressão de já não estarem no país que conheciam”, o “país de Joana d’Arc ou de Luís XIV, o país de Bonaparte e do general De Gaulle”, esse país “leve e brilhante”, “tão inteligente”, “esse país que está a desaparecer”, que o comentador de extrema-direita Éric Zemmour declarou esta terça-feira a sua candidatura às eleições presidenciais do próximo ano em França. O anúncio foi feito num vídeo partilhado no YouTube que gerou tantos comentários sobre o conteúdo como sobre a forma.

Sugerir correcção
Ler 5 comentários