Eleições

Todos os tópicos

O Partido Democrático perdeu e o centro-direita venceu as eleições municipais de domingo. As futuras legislativas poderão deixar de ser um referendo entre Renzi e Grillo. O Cavaliere está de volta

  • O Partido Democrático perdeu e o centro-direita venceu as eleições municipais de domingo. As futuras legislativas poderão deixar de ser um referendo entre Renzi e Grillo. O Cavaliere está de volta

  • Joana Amaral Dias acusou Fernando Medina de fazer obras na cidade para “dar-se a conhecer”, uma vez que “o poder lhe caiu no colo”.

  • Partido Democrata perdeu o controlo de 11 capitais provinciais para a coligação que junta a Liga Norte e o Força Itália.

  • É quase certo que o FPÖ vai entrar na próxima coligação de governo."Vote eu o que votar. Isto é uma catástrofe", diz o escritor Robert Menasse.

  • Jovens desencantados votaram em força em Corbyn, provocando a reviravolta eleitoral

  • Enquanto os hiperconservadores jornais populares britânicos gozavam e atacavam o líder trabalhista britânico, as redes sociais abriram-lhe um canal alternativo para fazer campanha - com excelentes resultados.

  • O pontapé de saída vai ser dado em Coimbra, durante um jantar marcado para o início de Julho. Nuno Garoupa e Norberto Pires estão entre os dinamizadores.

  • Baba Ramdev é uma das figuras mais conhecidas na Índia. Guru do ioga, ajudou a pôr Narendra Modi no poder, em 2014. Desde então, o seu negócio de produtos de consumo, um império que tanto vende cremes de Aloe Vera como barras energéticas, não parou de crescer.

  • Apadrinhado mais uma vez por Costa, Medina anuncia na próxima semana aquilo que toda a gente já sabe: é o candidato socialista à Câmara de Lisboa.