O PSD numa bifurcação

O PSD está dividido entre a disputa pelo “centro do espectro político-partidário”, como defende o actual líder, e a afirmação do partido como “casa comum de sociais-democratas, liberais, conservadores e sociais-cristãos”, como propõe o seu opositor.

David Justino terá razão quando diz que Rui Rio seria um melhor primeiro-ministro do que Paulo Rangel e que o segundo seria um melhor líder de opinião (oposição?) do que o primeiro? É o que as últimas sondagens também parecem querer dizer. Rio suavizou (ainda mais) o discurso, falsamente pacífico, com pose de Estado, distinguindo-se do estilo mais combativo e engalfinhado de Rangel.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários