Benfica volta a atacar perdão a Rui Pinto: caso pode chegar ao Tribunal Constitucional

Defesa das “águias” aponta contradições na decisão da Relação de Lisboa e promete esgotar todas as opções. Tribunal considerou perdão no caso dos emails “irrecorrível”.

Foto
Rui Pinto no primeiro dia de julgamento em Lisboa Rui Gaudencio

A Benfica SAD vai tentar tudo por tudo para reverter o perdão concedido a Rui Pinto no “caso dos emails”. Esta terça-feira, o Tribunal da Relação de Lisboa (TRL) rejeitou o recurso interposto pelas “águias”, considerando que a suspensão provisória do processo em que Rui Pinto é suspeito do furto da correspondência privada do clube é “irrecorrível”. O PÚBLICO apurou junto da defesa dos “encarnados” que serão esgotadas todas as vias judiciais que ainda restam neste caso, nomeadamente a reclamação para a conferência e o recurso para o Tribunal Constitucional.

Sugerir correcção
Ler 3 comentários