Marcelo decide data das eleições debaixo de pressão

Com parte do trabalho de casa já feito, o Presidente da República conclui na quarta-feira, ouvindo os conselheiros de Estado, os passos prévios à dissolução do Parlamento. Partidos pressionam para eleições logo a 16 de Janeiro, mas cabe a Marcelo decidir.

Foto
Presidente da República deve revelar quinta-feira a decisão sobre a dissolução LUSA/PEDRO SARMENTO COSTA

Esta semana será decisiva para a definição da data das eleições legislativas antecipadas que Marcelo Rebelo de Sousa anunciou como inevitáveis se o Orçamento do Estado para 2022 fosse chumbado, como se veio a verificar, ainda que não deva ser já conhecido o dia do regresso às urnas.

Sugerir correcção
Ler 27 comentários