Joanna e Les, Beryl, a feminista sem agenda, e a animação (com pouca festa) em Amarante

Obra da dupla britânica Joanna Quinn e Les Mills está em destaque na Festa Mundial de Animação, que decorre até este domingo.

cinema-animacao,cinema-portugues,exposicao,artes,cinema,culturaipsilon,
Fotogaleria
Joanna Quinn e Les Mills, a animadora e realizadora inglesa e produtor e argumentista do País de Gales
cinema-animacao,cinema-portugues,exposicao,artes,cinema,culturaipsilon,
Fotogaleria
Affairs of the Art é o mais recente filme de Joanna Quinn e Les Mills DR
cinema-animacao,cinema-portugues,exposicao,artes,cinema,culturaipsilon,
Fotogaleria
Drawing the Line é a exposição dos desenhos originais de Joanna Quinn no Museu Amadeo de Souza-Cardoso

“Amarante, para quem não saiba, é um expediente de casta portuguesa para ser eterna”. Numa das ruas do centro histórico desta cidade no sopé do Marão, podemos ler esta e outras frases e aforismos de Agustina Bessa-Luís (1922-2019), a inscrever no imaginário da terra o nome de uma das suas figuras ilustres (a autora de A Sibila nasceu a pouca distância dali, em Vila Meã). Como podemos cruzar-nos com referências a dois outros vultos maiores de Amarante, Teixeira de Pascoaes (1877-1952), ou Amadeo de Souza-Cardoso (1887-1918), eternizados na toponímia, em escultura ou no museu municipal…

Sugerir correcção
Comentar