Justiça suíça pediu ajuda a Rui Pinto para investigar o presidente da FIFA

Helvéticos entraram em contacto com o Football Leaks, ainda antes de ser conhecida a identidade de Rui Pinto. Denunciante ofereceu a Malta informações sobre empréstimos da Doyen.

Foto
Reuters/BALAZS HATLACZKI

“Caro senhor ou senhora”: a identidade da pessoa que tinha partilhado alguns dos segredos mais obscuros do futebol na página Football Leaks ainda não era conhecida, mas esse pormenor não foi entrave para as autoridades suíças, que pediram informações potencialmente incriminatórias sobre o presidente da FIFA, Gianni Infantino. O email, enviado pelas autoridades helvéticas no final de 2018, foi recentemente adicionado ao processo em Portugal no qual Rui Pinto responde pela autoria de 90 crimes.

Sugerir correcção
Ler 10 comentários