Conselho Europeu discute Estado de direito, por pressão da Polónia

Primeiro-ministro polaco, Mateusz Morawiecki, insistiu em abordar a questão durante a reunião dos líderes. Charles Michel terá de evitar que o assunto relegue para segundo plano a discussão sobre os preços da energia.

Foto
Charles Michel está determinado em evitar uma repetição da cena de Junho, quando a aprovação de uma controversa lei a proibir a divulgação de conteúdos LGBTIQ a menores de 18 anos, na Hungria, levou ao confronto à mesa do Conselho Europeu EPA/Virginia Mayo / POOL

O presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, ainda tentou acatar a sugestão da chanceler da Alemanha, Angela Merkel, de manter a discussão sobre o desafio da Polónia à primazia dos tratados e à ordem jurídica europeia fora da agenda — logo, das conclusões — da reunião dos 27 chefes de Estado e Governo da União Europeia, esta quinta-feira, em Bruxelas.