Emissões de CO2 vão baixar só 40% do prometido até 2050

Análise anual da Agência Internacional de Energia, a duas semanas da Cimeira do Clima, incentiva governos a investir muito mais em energias limpas.

Foto
O relatório recomenda a duplicação de capacidade do sector fotovoltaico Nuno Ferreira Santos/PÚBLICO/Arquivo

Se os países não aumentarem a ambição da sua redução das emissões de gases com efeito de estufa, em 2050 só teremos conseguido chegar a 40% dos objectivos expressos para essa data, diz a Agência Internacional de Energia (AIE), no relatório anual World Energy Outlook, lançado a duas semanas do início da conferência mundial do clima COP26, que se inicia a 31 de Outubro, em Glasgow (Reino Unido).