Aplauso – Movimento de Apoio a Artistas promove espectáculos solidários em Outubro

Com os dois espectáculos, que poderão ter cerca de 370 espectadores cada, o movimento conta conseguir apoiar “cerca de cem famílias de artistas e técnicos”.

Foto
Os profissionais da cultura estão entre os mais afectados pela pandemia Paulo Pimenta

O Aplauso – Movimento de Apoio a Artistas promove em Outubro dois espectáculos solidários, no Casino Estoril, em Cascais, com a receita de bilheteira a servir para apoiar “as famílias do espectáculo”.

O Aplauso é uma iniciativa da promotora PMP Eventos, que decidiu criar este movimento, entretanto formalizado como associação, por “sentir que era urgente promover formas de apoio aos vários milhares de profissionais com quem habitualmente” trabalha, explicou à Lusa fonte da promotora.

Recordando que os profissionais do sector da Cultura vêem a sua actividade suspensa, total ou parcialmente, desde Março de 2020, a mesma fonte adiantou que “a marcha” do movimento Aplauso começa com “a apresentação de dois espectáculos, que são um tributo e o espelho que reflecte o âmago do talento, energia e qualidade única dos artistas e técnicos em Portugal”.

Nos dias 6 e 13 de Outubro, o palco do Salão Preto e Prata do Casino Estoril acolherá, respectivamente, os espectáculos Origens, de dança, e Aplauso em Português, de música. Origens, espectáculo no qual será feita uma “reflexão da existência humana expressa através da linguagem universal da dança”, tem direcção artística de Paulo Magalhães, e conta com dez actos criados por outros tantos coreógrafos e levados a palco por um corpo de 30 bailarinos.

Aplauso em Português, com direcção musical de Nelson Canoa, irá juntar em palco, para “celebrar a música em português”, cantores como Wanda Stuart, FF, Rui Drumond, Paula Sá e Catarina Clau.

Com estes espectáculos, que poderão ter cerca de 370 espectadores cada, o movimento conta conseguir apoiar “cerca de cem famílias de artistas e técnicos”.

Neste movimento, a PMP Eventos conta com o apoio de parceiros como o Casino Estoril, a Câmara Municipal de Cascais e a União Audiovisual.

E porque “o movimento precisa de estar activo 365 dias por ano para dar resposta às muitas solicitações, não só de apoio financeiro, mas também de bens e serviços de primeira necessidade”, foi constituída a Associação Aplauso Solidário – Apoio a todos os profissionais do espectáculo.