Sexo, mentiras e vídeo na Junta de Freguesia da Foz do Arelho

Relações amorosas filmadas na sede da própria junta de freguesia, milhares de euros desaparecidos do cofre, ordens de pagamento não-justificadas, pagamento de despesas pessoais com dinheiro público: há cinco arguidos na Junta de Freguesia da Foz do Arelho.

Foto
Fernando Sousa e Maria dos Anjos

Entre 2013 e 2014 o presidente da Foz do Arelho, Fernando Sousa, teve um relacionamento amoroso com uma funcionária da junta que era também autarca porque tinha sido eleita nas suas listas. Maria dos Anjos, que entrara para o quadro daquela autarquia de base em 2007, pertencia agora ao executivo e, na dupla condição de autarca e funcionária, tinha acesso ao cofre da junta, da qual terá retirado cerca de 14 mil euros em dinheiro, com a conivência do presidente.