Para apoiar as jovens cientistas, a Barbie tem uma bolsa de estudo de 3000 euros

“Meninas na Ciência powered by Barbie” quer inspirar e apoiar as jovens cientistas. Inscrições para o programa estão abertas até 30 de Junho e a vencedora recebe uma bolsa de estudo no valor de 3000 euros.

Foto
Meninas na Ciência powered by Barbie

Para “inspirar e apoiar as cientistas de amanhã”, o projecto Dream Gap, da Barbie, lançou um programa que atribui uma bolsa de estudo de 3000 euros a uma jovem. O “Meninas na Ciência powered by Barbie” tem o apoio de Elvira Fortunato, cientista e professora catedrática na Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade de Lisboa, vencedora do Prémio Pessoa 2020.

As inscrições estão abertas a todas as jovens que se encontrem a frequentar o 12.º ano de escolaridade em Portugal. Para participarem, as estudantes deverão desenvolver um projecto de inovação e criatividade que as ajude a responder à pergunta: “De que forma poderias mudar o mundo através da ciência?”.

O mesmo deverá ser enviado para meninasnacienciabarbie@gmail.com até 30 de Junho. A estudante que apresentar o melhor trabalho – a ser avaliado num pitch, a 5 de Julho —, “mediante a sua criatividade e exequibilidade”, ganha uma bolsa de estudo no valor de 3000 euros para ingressar num curso de Ciências ou Tecnologias da Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade de Lisboa. O nome da vencedora é anunciado a 20 de Setembro.