Autocarro do Sporting não vai parar no Marquês. PSP alerta para a proibição do consumo de álcool na rua

A PSP deu, esta terça-feira, indicações do que será a festa de campeão do Sporting, caso a equipa Lisboeta vença o Boavista no jogo desta noite.

Foto
PSP alerta para os ajuntamentos e o consumo de álcool na rua LUSA/Tiago Petinga

A PSP, através do intendente Domingos Antunes, deu conta de como serão os festejos do título do Sporting em Lisboa, caso a equipa de Alvalade vença esta terça-feira o Boavista. O autocarro com os jogadores fará o percurso por várias artérias da cidade, mas sem a habitual paragem na Rotunda do Marquês. As autoridades apelam ao uso de máscara e à distância de segurança e recordam que é proibido beber álcool na via pública. 

A PSP, a Câmara Municipal de Lisboa e o Sporting estão desde a passada semana a preparar os festejos do campeonato do Sporting. Caso a turma de Alvalade vença o jogo desta terça-feira, está previsto um desfilo do autocarro com os jogadores que vai percorrer a Avenida da República, o Saldanha, a Avenida Fontes Pereira de Melo e a Rotunda do Marquês. Ao contrário do que é habitual, os elementos da equipa não vão parar na rotunda e regressarão ao estádio pelo mesmo percurso. 

Quem quiser assistir, “pode acompanhar de qualquer forma”, quer no Marquês, no Saldanha ou no Campo Grande. “Pedimos a quem possa, que veja nas janelas ou na varanda e que quem venha para a rua de veículo, continue no veículo”, apelou Domingos Antunes. Na conferência, o intendente da PSP apelou a que quem for para as celebrações use máscara e mantenha o distanciamento social. “Estamos em situação de pandemia e o risco é acrescido aquando da aglomeração de pessoas”, recordou o intendente, que sublinha que “ainda é proibido o consumo de álcool na via pública”.

Questionado pelos jornalistas sobre a eventualidade dos intervenientes nos festejos não cumprirem as regras e as recomendações das autoridades, Domingos Antunes deixou claro que a polícia usará “o principio da proporcionalidade”. “Além de uma questão de de segurança e de polícia, trata-se de uma responsabilidade do cidadão”, disse. Ainda assim, “se houver comportamentos que ponham em causa a segurança dos outros, a polícia não deixará de actuar”.

Metro e trânsito condicionados 

A operação policial, que já arrancou e que conta com um reforço de elementos, prolongar-se-á madrugada dentro, caso a equipa leonina conquiste o campeonato que lhe foge há 19 anos. No final do jogo, o desfile do autocarro apenas se iniciará depois das 24h. Desta forma, e com o crescente número de adeptos que se tem juntado nas proximidades do Estádio de Alvalade, o trânsito no centro da cidade estará condicionado a partir das 19h.

Também as estações de Metro, nas proximidades dos pontos por onde passará o desfile, estarão encerradas a partir das 22h30. “Apelamos a que quem pretende circular na cidade, o faça antes desses momentos”, disse Domingos Antunes.