Os Tarantula carregam a chama do heavy metal português há 40 anos

Quando surgiram, o género que fazia furor lá fora mal dera os primeiros passos em Portugal. A já lendária banda que os irmãos Barros fundaram em 1981 continua activa e acaba de lançar mais um álbum de originais.

cultura,heavy-metal,musica-portuguesa,rock,culturaipsilon,musica,
Fotogaleria
Os Tarantula nasceram em pleno boom do rock português, quando o heavy metal era desconhecido em Portugal ANA MARQUES MAIA
cultura,heavy-metal,musica-portuguesa,rock,culturaipsilon,musica,
Fotogaleria
O baixista José Aguiar e o guitarrista Paulo Barros ANA MARQUES MAIA
cultura,heavy-metal,musica-portuguesa,rock,culturaipsilon,musica,
Fotogaleria
Os Tarantula nos estúdios Rec'n'Roll, que fundaram na década de 1990 ANA MARQUES MAIA
cultura,heavy-metal,musica-portuguesa,rock,culturaipsilon,musica,
Fotogaleria
ANA MARQUES MAIA
cultura,heavy-metal,musica-portuguesa,culturaipsilon,musica,
Fotogaleria

No início da década de 1980, no decurso do teste de som de uma das bandas que tocariam no Parque da Aguda, em Vila Nova de Gaia, um técnico dirigia-se aos músicos para lhes dar conta de que, a julgar pelo som, a guitarra ou o amplificador tinham um problema. O instrumentista em causa garantia porém não existir nada de errado com o equipamento. Não convencido, o técnico do espectáculo, cujo cartaz incluía também os Jafumega, em pleno arranque do chamado boom do rock dos anos 80, foi insistindo que a guitarra não podia estar boa.