A nova aventura do Homem em Catarse, agora ao piano pelos caminhos de Braga

Depois da volta sonora ao país que foi Viagem Interior, o multi-instrumentista Afonso Dorido passou da guitarra eléctrica ao piano e gravou Sete Fontes, inspirado nos caminhos de Braga.

Foto
Afonso Dorido, o Homem em Catarse MARIA JOÃO SALGADO

Chega esta sexta-feira às lojas e às plataformas digitais o mais recente trabalho do Homem em Catarse, alter-ego do multi-instrumentista Afonso Dorido. Chama-se Sete Fontes, é centrado na sonoridade do piano e inspira-se em sete lugares de Braga, cidade onde ele está radicado.