Abreu vai fazer a sua feira de viagens e promete “descontos até 65%”

Depois de cancelado em 2020, o Mundo Abreu regressa num novo formato: não vai à FIL e celebra-se na rede de agências da empresa e em centros comerciais. Sempre para incentivar “o prazer de viajar”.

Foto
Madeira é o “Destino Oficial” do evento Andreia Gomes Carvalho

Ainda não será este ano que a feira de viagens da Agência Abreu volta aos pavilhões da FIL, em Lisboa, mas não é um regresso de somenos nota: depois de mais de um ano marcado pela paralisação quase total do turismo e das viagens (pelo menos aquelas que implicam atravessar fronteiras), com o próprio certame adiado e cancelado, o Mundo Abreu está de volta, agora num novo formato.

O evento vai realizar-se a 8 e 9 de Maio na rede de lojas da agência, mais de 100, de norte a sul do continente e ilhas, assim como em 20 espaços de promoção e venda em dez dos maiores centros comerciais do país.

Tendo como ponto de partida o mote “Quando foi a última vez que sentiu o prazer de viajar”, a agência “reuniu toda a programação de Verão” para apresentar aos clientes durante o evento, mantendo uma das principais atracções da feira: os “grandes descontos”, que “podem ir até 65%”.

“Para garantir a segurança de todos e porque ainda vivemos em estado de pandemia, foi desenvolvida uma aplicação móvel que permitirá o agendamento presencial ou virtual com os nossos consultores de viagens, bastando que façam o download da mesma nos sítios habituais”, informa a empresa em comunicado.

O arquipélago da Madeira é o “Destino Oficial” do evento, com pacotes de viagens em voos charter de Lisboa e Porto em direcção a Porto Santo aos sábados e domingos e, “de forma regular”, para o Funchal. No panorama nacional, prometem-se ainda ofertas para os Açores e para o Algarve.

No plano internacional, o catálogo do evento – já disponível nas lojas da Agência Abreu “e, em breve, no site” – inclui propostas de longo curso, como as Ilhas Seychelles, Maldivas, Tailândia, Dubai, Zanzibar e Caraíbas, mas também destinos europeus, como Creta e as ilhas espanholas, e africanos, incluindo Marrocos e Cabo Verde.

“A pensar na satisfação e segurança do cliente, foram ainda criadas condições, nomeadamente, através das medidas de protecção como seguros, sinalizações de valor reduzido e a possibilidade de cancelamento/alteração de viagens até perto da data de partida”, acrescenta a nota de imprensa.

“Após um período em que nos focámos essencialmente na antecipação do pagamento dos reembolsos aos clientes que não tiveram oportunidade de usufruir das viagens adquiridas no princípio de 2020, direccionamos agora a nossa atenção para a retoma das viagens. Regressamos com o Mundo Abreu através de um modelo mais ajustado à realidade, privilegiando a segurança e o conforto dos clientes, mas com o mesmo objectivo: voltarmos às tão ansiadas viagens, dando aos clientes a possibilidade de antecipar a sua compra com preços mais acessíveis”, afirma Pedro Quintela, director de vendas e marketing da Agência Abreu.