Um novo parque verde vai ligar o centro de Gondomar ao Douro

O Parque Urbano da Ribeira da Archeira inclui zonas de bosque denso e a ribeira, com trilhos para caminhadas e ciclovia. As obras iniciam-se na segunda-feira e prevê-se estarem concluídas em Março de 2022.

Foto
Câmara Municipal de Gondomar

A Câmara Municipal de Gondomar tem planos traçados para aumentar os espaços verdes do concelho. Na segunda-feira, vão arrancar as obras para o Parque Urbano da Ribeira da Archeira, no centro da cidade, projecto que faz parte de “uma rede concelhia de nove equipamentos verdes que o executivo tem projectados”, anuncia a autarquia em comunicado.

O futuro parque urbano vai ligar a zona junto às piscinas municipais de São Cosme ao rio Douro e conta com um percurso de 2,9km ao longo da ribeira da Archeira, “o último troço de uma rede de 20km de percursos que atravessam as freguesias de Rio Tinto, Fânzeres, Gondomar (São Cosme) e Valbom”, acrescenta-se.

O novo parque alterna "zonas de bosque denso com pequenos desníveis e zonas mais planas, onde a ribeira serpenteia entre campos agrícolas”, refere-se na apresentação. Haverá uma via pedonal e ciclovia para passeios "entre a natureza”.

O projecto está orçado em cerca de 2 milhões de euros, avançam, e a sua finalização está prevista para Março de 2022.

O troço da Archeira integra o leque de novos parques urbanos do concelho, uma rede iniciada em 2019 com a construção do parque de Rio Tinto e que inclui também Ramalde (São Cosme), São Pedro da Cova, Medas, nascente do rio Torto (Baguim do Monte) e Monte Crasto.

A estes vai juntar-se, o Parque de Fânzeres-São Cosme, que está quase a estrear: a inauguração está prevista para Maio.

Este ano, avança a autarquia, deverá arrancar também a construção do Parque Urbano de Gondomar.