Jane Fonda revela os seus segredos para a longevidade

Uma boa noite de sono é uma das principais dicas dadas pela actriz de 83 anos, em entrevista à revista Self.

Foto
A actriz de 83 anos dorme pelo menos nove horas por dia INSTAGRAM/JANE FONDA

Aos 83 anos, Jane Fonda não pára de surpreender. Em entrevista à revista Self, a propósito da promoção de uma linha de produtos de cânhamo, a actriz revelou os segredos da sua longevidade — desde deitar cedo até a alguns segredos de beleza.

Estar sozinha três dias por semana

“Estar sozinha nunca me incomodou”, conta Fonda. Nos três dias em que está completamente sozinha, a actriz tem a companhia do cão e aproveita para ler, escrever, estar activa nas redes sociais e preparar a sessão semanal de Fire Drill Fridays — uma reunião virtual sobre as alterações climáticas. 

Apesar de estar sozinha, Jane Fonda diz nunca se sentir isolada. No resto da semana, tem a companhia da assistente e do “caseiro”, que além de cuidar da casa, também faz a comida.

Rotina de beleza

Por volta das seis da tarde, Jane Fonda começa a rotina diária de beleza. “Eu costumava apanhar muito sol e, por isso, a pele nas minhas pernas e braços fica seca”, explica a actriz, que aplica sempre um creme gordo no corpo.

Quanto aos cuidados de rosto, limpa a pele de toda a maquilhagem ou impurezas e aplica um tónico em spray. Por vezes, usa também uma máscara facial nocturna com cânhamo. Na rotina não falta, claro, um creme anti-rugas.

Jane Fonda sofre também de osteoartrite e, por essa razão, usa diariamente um creme em roll-on, para ajudar com as dores musculares e nas articulações.

Deitar e dormir cedo

Dois dos seus três maridos gostavam de se deitar tarde, recorda Jane Fonda. Já a actriz adora deitar-se cedo. Em média, diz dormir nove horas por noite. “O meu pai sempre me disse que à medida que envelhecemos, não precisamos dormir tanto. Para mim, não é verdade”, conta Fonda.

Normalmente, deita-se cedo e fica a ver televisão na sua cama especial, que permite elevar os pés e a cabeça — uma tecnologia semelhante às camas hospitalares. Na televisão tem preferência por talk-shows. Como é membro da Academia dos Óscares também costuma ver os filmes que lhe enviam para avaliar.

Cobertor pesado para ajudar a dormir melhor

O conceito dos cobertores pesados não é novo e há mais de 15 anos que são usados por profissionais de saúde para fins terapêuticos junto de pessoas com autismo, transtorno obsessivo compulsivo ou Perturbação de Hiperactividade e Défice de Atenção.

Jane Fonda não sofre de nenhum destes transtornos, mas revela que gosta “da sensação do peso”. Além de ajudar a adormecer, a actriz acredita que o cobertor pesado potencia uma noite de sono descansada, sem interrupções, nem insónias.