PS recua e vai ao encontro de Marcelo nas petições e debates europeus

Socialistas duplicam debates em plenário e reduzem número mínimo para discussão de petições em plenário.

Foto
Pedro Delgado Alves tem a expectativa de que as novas propostas sejam viabilizadas Miguel Manso

O PS vai propor que as petições públicas com o mínimo de 7500 assinaturas possam ser discutidas em plenário, o que significa um recuo face ao diploma vetado pelo Presidente da República. No caso dos debates europeus, os socialistas também duplicam o seu número de debates por semestre para ir ao encontro de Marcelo Rebelo de Sousa. O PSD, autor das propostas originais, não se quis pronunciar sobre como vai votar as propostas que serão reapreciadas, esta sexta-feira, em plenário. 

Sugerir correcção