Torne-se perito Reportagem

Pastores por um dia na serra dos Candeeiros

Uma história de cabras, troviscos e carrascos, mas também de capelas, grutas e dólmenes. O cenário é a serra dos Candeeiros e o programa é certamente um dos mais tentadores que agora se oferecem entre portas, no capítulo do turismo das raízes.

rio-maior,quercus,fugas,agricultura,turismo,ambiente,
Fotogaleria
Serra dos Candeeiros Luís Maio
rio-maior,quercus,fugas,agricultura,turismo,ambiente,
Fotogaleria
Serra dos Candeeiros Luís Maio
rio-maior,quercus,fugas,agricultura,turismo,ambiente,
Fotogaleria
Serra dos Candeeiros Luís Maio
rio-maior,quercus,fugas,agricultura,turismo,ambiente,
Fotogaleria
Serra dos Candeeiros Luís Maio
,Cabra selvagem
Fotogaleria
Serra dos Candeeiros Luís Maio
,Cabra selvagem
Fotogaleria
Serra dos Candeeiros Luís Maio
,Cabra selvagem
Fotogaleria
Serra dos Candeeiros Luís Maio

Acaba em animada confraternização à volta de uma mesa com queijos, enchidos e outras iguarias serranas. E quando chega a hora de partir aparece uma cartolina certificando que o (a) participante “se encontra apto (a) para exercer a nobre função de pastor (a), pela participação na Rota dos Pastores, onde foi pastor(a) por um dia do Rebanho de Cabras Comunitário da Cooperativa Terra Chã”. O “diploma” será um corolário charmoso para um programa que consiste em seguir um pastor profissional e respectivo rebanho para cima e para baixo pelas ladeiras da serra dos Candeeiros, num percurso circular com um total de cerca de 6km.