Autores de estudo sobre a hidroxicloroquina pedem que seja retirado da Lancet

Três dos quatro autores do estudo sobre a hidroxicloroquina, publicado na revista The Lancet, pediram a sua retirada por não poderem “assegurar a veracidade das fontes primárias de dados”.

Foto
O medicamento hidroxicloroquina George Frey/Reuters

Três dos quatro autores do controverso estudo sobre a hidroxicloroquina, publicado na revista The Lancet, divulgaram esta quinta-feira em comunicado que pediram que o estudo seja retirado de publicação. Numa nota partilhada pela The Lancet, os autores explicam que a Surgisphere, a empresa que forneceu os dados analisados no estudo, recusou-se a disponibilizar o conjunto completo dos dados em questão para uma auditoria independente, pelo que não podem “assegurar a veracidade das fontes primárias de dados”.