World of Wine de Gaia garante abertura no Verão: um WoW pronto para um mundo pós-pandemia

Este Mundo do Vinho inclui seis museus e nove espaços de restauração. “Abriremos o World of Wine num mundo novo, num mundo pós-pandemia com novas regras”. O projecto está orçado em 105 milhões de euros e promete 350 novos postos de trabalho.

gastronomia,fugas,portugal,verao,porto,turismo,
Fotogaleria
World of Wine (projecto)
gastronomia,fugas,portugal,verao,porto,turismo,
Fotogaleria
World of Wine (antes)

Portas automáticas para evitar o toque, torniquetes para acesso aos museus e capacidade limitada nos restaurantes são algumas das medidas que o grupo Fladgate Partnership está a implementar no projecto previsto para abrir este Verão em Vila Nova de Gaia.

“Abriremos o World of Wine (WoW) num mundo novo, num mundo pós-pandemia com novas regras. Ainda estamos numa fase de projecto em que é possível adaptar opções para este novo mundo”, disse, à agência Lusa, o presidente executivo do Fladgate Partnership, Adrian Bridge, a propósito de um projecto de 105 milhões de euros que tem previsto abrir “no final de Julho ou início de Agosto”.

Questionado sobre se esta é a altura ideal para abertura de um espaço que terá seis museus e nove espaços de restauração  tendo em conta a pandemia que já provocou mais de 254 mil mortos e infectou quase 3,6 milhões de pessoas —, Adrian Bridge garantiu que “estão a ser adoptadas medidas de contingência” e lembrou que “Portugal é encarado como um destino seguro”.

PÚBLICO -
Foto

“Há um grande debate sobre a forma como o turismo vai voltar. Este sector está muito dependente das ligações aéreas, mas consideramos que Portugal será muito procurado. O país é visto como um território onde o risco de contágio é menor do que em Espanha e Itália, por exemplo, há uma sensação de segurança face às autoridades de saúde nacionais e o próprio mercado nacional precisa de conteúdos e experiências novas para as pessoas que até aqui fizeram um esforço de confinamento, mas, no verão, vão optar por destinos nacionais”, analisou Adrian Bridge.

O World of Wine, em português Mundo do Vinho, está a nascer no centro histórico de Vila Nova de Gaia, num conjunto de antigas caves de Vinho do Porto requalificadas, estimando-se a criação de 350 novos postos de trabalho.

PÚBLICO -
Foto

O grupo Fladgate Partnership, detentor de hotéis como o Yeatman ou de marcas de vinhos, planeia abrir com postos de higienização e “novas e actualizadas” práticas de serviço, tendo, por exemplo, alterado aspectos do projecto inicial como a colocação de portas automáticas para evitar o toque em puxadores e vidros ou o recurso a torniquetes para limitar o acesso aos museus.

“A sensação de segurança é muito importante, mas ao mesmo tempo tentaremos aliviar a vida das pessoas e proporcionar-lhes uma viagem, uma visita confortável. A aposta de abertura neste verão é para dar conforto e relaxe aos turistas. Acreditamos que muitas pessoas não vão deslocar-se para fora do país porque preferirão estar mais próximas da família”, referiu o presidente executivo.

Adrian Bridge acredita, também, que “em 2021 o turismo vai voltar ainda que possa não ser com o mesmo nível de 2019” e que a presidência portuguesa do Conselho da União Europeia entre Janeiro e Junho de 2021 “poderá criar dinâmicas turísticas e económicas novas e influenciar as ligações aéreas”.

PÚBLICO -
Foto
Sugerir correcção