Miúdos, o tempo é para escrever cartas

A proposta vem dos CTT e da Fundação Portuguesa das Comunicações (FPC), que desafiam jovens entre os 9 e os 15 anos a participar no concurso internacional A Melhor Carta 2020.

,Computador portátil
Foto
DR

Numa época em que as distâncias se encurtam no mundo virtual com jogos, passatempos, leituras e um sem número de actividades online para ocupar o tempo, esta é também uma boa altura para voltar atrás, ao tempo em que se escreviam cartas.

A proposta vem dos CTT e da Fundação Portuguesa das Comunicações (FPC), que desafiam jovens entre os 9 e os 15 anos a participar no concurso internacional A Melhor Carta 2020, promovido pela União Postal Universal.

Segundo a nota de imprensa, o objectivo é “sensibilizar os jovens para este género de escrita, incentivando-os a expressar a sua criatividade e a melhorar os seus conhecimentos linguísticos”.

Os concorrentes deverão escrever uma mensagem em língua portuguesa sobre a sua experiência no mundo em que vivemos. A carta deverá ter entre 500 e 800 palavras, cumprir o novo acordo ortográfico e o formato base, ou seja, com “data, fórmulas de cortesia e/ou saudação e assinatura”.

De forma a garantir a imparcialidade do júri, não deverão constar referências a Portugal. O regulamento do concurso está disponível na página da FPC. Os trabalhos devem ser enviados para a fundação até 16 de Abril, por correio ou via e-mail ([email protected]).