Na Nicarágua, o futebol não pára por ordem do Estado

É um dos três países do mundo onde ainda se joga, a par da Bielorrússia e do Burundi.

Foto
Jogadores do Diriangen com máscaras antes de um jogo do campeonato da Nicarágua Facebook Diriangen

Oficialmente, a Nicarágua tem cinco casos de covid-19: três que ainda estão infectados (todos provenientes dos EUA), um que morreu e outro que recuperou. Este é um número que deixa a nação centro-americana, de acordo com o mapa da pandemia actualizado diariamente pela Universidade Johns Hopkins, em 171.º entre os 181 países/regiões onde o novo coronavírus chegou, a par do Butão e da Somália. Se esta estatística oficial é ficção ou realidade, em breve saberemos, e tudo pode mudar de um dia para o outro, mas o que é, para já, absolutamente real é a recomendação do Governo de Daniel Ortega (que ninguém vê em actos públicos desde Fevereiro) para o país continuar a sua vida normal. E isto inclui que todo o desporto se mantenha activo, futebol incluído.