Vídeos

"Fique em casa". Drones percorrem marginal do Porto com mensagem para a população

Através de mensagens gravadas audíveis a significativa distância, os drones vão recomendar aos cidadãos para permanecerem no interior das suas casas, relembrando que o país está sob Estado de Emergência e que é necessário cumprir as medidas anunciadas.

Desde esta manhã que dois drones sobrevoam a zona marginal da cidade do Porto avisando a população que deve ficar em casa face à situação provocada pela pandemia de covid-19.

Através de mensagens gravadas audíveis a significativa distância, os drones recomendam aos cidadãos que permaneçam no interior das suas casas, relembrando que o país está sob Estado de Emergência e que é necessário cumprir as medidas anunciadas. “Estamos sob uma ameaça muito grave. Regresse a casa”, “Não permaneça no espaço público, senão por necessidade absoluta. Permaneça em casa”, “Não corra riscos desnecessários. Proteja-se da pandemia e regresse a casa”, são algumas das mensagens transmitidas.

O controlo com o recurso a drones da linha de fronteira e de cercas sanitárias estabelecidas, como em Ovar, ou a estabelecer, foi autorizado pela Comissão Nacional de Protecção de Dados (CNPD).

Saiba mais.

Sugerir correcção