Coronavírus inverte subida do preço mundial dos alimentos

Índice alimentar da FAO recuou em Fevereiro, pela primeira vez em quatro meses. Quebra nas compras da Índia e na China, sob expectativa de abrandamento da economia mundial, influenciaram resultado global

Foto
Preço dos cereais recuou a reflectir nível elevado de stocks e menos procura para rações animais DRO DANIEL ROCHA

Depois de estar a subir consecutivamente desde Outubro de 2019, o índice alimentar da FAO – Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura registou uma quebra de 1% em Fevereiro, para 180,5 pontos, face ao primeiro mês deste ano.