PS quer debater poder das ordens profissionais e agilizar contratações públicas

O objectivo da líder da bancada socialista é melhorar as condições do investimento público e libertar o mercado de trabalho de poderes corporativos.

Foto
Ana Catarina Mendes que potenciar a autonomia do grupo parlamentar do PS Daniel Rocha

O grupo parlamentar do PS vai lançar o debate sobre a regulamentação das ordens profissionais e o poder que estas organizações corporativas têm sobre o mercado de trabalho, bem como abrir um processo de discussão e análise destinado a encontrar soluções para agilizar as regras e os procedimentos das contratações do Estado. Estas soluções têm por objectivo optimizar o investimento público, revelou ao PÚBLICO a líder parlamentar, Ana Catarina Mendes.