Governadores unem-se para criticar Bolsonaro com um olho nas eleições

A suspeita lançada pelo Presidente sobre o governador da Bahia em relação à morte de um dos criminosos mais procurados do Brasil deixou governadores indignados.

Foto
A relação entre Bolsonaro e os governadores tem sido conturbada ADRIANO MACHADO/Reuters

Vinte governadores brasileiros de diferentes partidos e correntes políticas uniram-se para criticar Jair Bolsonaro, acusando-o de não contribuir para “a evolução democrática do Brasil”. Em causa estão as declarações do Presidente, que sugeriu que a morte do chefe de uma milícia criminosa na Bahia foi ordenada pelo governador local.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários