Nova polémica no Crédito Agrícola chega ao Ministério Público

Caso de possível conflito de interesses na Caixa de Salvaterra de Magos (e Benavente) foi esta semana objecto de queixa-crime por parte de 120 associados. Licínio Pina alega que não tem meios para travar casos deste tipo.

Foto
LUSA/MANUEL DE ALMEIDA

O líder do Crédito Agrícola, Licínio Pina, alvo de polémica pela contratação da mulher para dar apoio ao seu secretariado, garante que não tem instrumentos para intervir imediatamente quando estão em causa situações de conflito de interesse no grupo das 80 instituições de crédito agrícola que fiscaliza. E agora tem mais um caso controverso entre mãos.

Sugerir correcção
Ler 13 comentários