Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria

As várias vidas do Teatro Romano de Lisboa estão em Scaena

As muitas vidas do Teatro Romano — e todo o caminho para as descobrir — estão agora reunidas numa revista, apresentada esta sexta-feira pelo Museu de Lisboa. Scaena põe “em cena” estudos de 16 investigadores feitos ao longo de mais de uma década de escavações que nos mostraram as ruínas de um teatro com 2000 anos (e não só).

Imaginemo-nos no Tagus há dois mil anos, prestes a chegar a Felicitas Iulia Olisipo, e rapidamente perceberíamos que nos preparávamos para entrar em domínio do Imperador Augusto. Num salto até 2020, da soalheira varanda do Teatro Romano que nos enche a vista de Tejo, entende-se bem a razão pela qual este teatro foi construído aqui: era “uma marca de propaganda” do próprio império.