Ana Catarina Nogueira afastada do Master Final

A jogadora portuguesa foi derrotada nesta sexta-feira nos quartos-de-final do último torneio do ano do World Padel Tour

Ana Catarina Nogueira e Paula Josemaría perderam nos quartos-de-final
Foto
Ana Catarina Nogueira e Paula Josemaría perderam nos quartos-de-final

Foram mais de duas horas de jogo onde a vitória podia ter caído para qualquer lado, mas o dia não foi de Ana Catarina Nogueira e, principalmente, de Paula Josemaría. Nesta sexta-feira, no Palau Santi Jordi, em Barcelona, a jogadora do Porto tornou-se no primeiro atleta português a disputar o Master Final, torneio do World Padel Tour (WPT) onde apenas participam os 16 melhores jogadores do ranking mundial, mas com uma exibição pautada por demasiados erros não forçados, Nogueira e Josemaría foram batidas em três sets (5-7, 6-4 e 4-6) pela dupla formada pela argentina Delfina Brea e pela espanhola Beatriz González.

Era um momento muito aguardado por Ana Catarina Nogueira, mas a estreia da jogadora portuguesa no Master Final terminou no primeiro round. Contra Delfina Brea, sua antiga parceira no WPT, e Beatriz González, uma das grandes promessas do padel mundial - completou 18 anos no mês passado -, a jogadora portuguesa não esteve ao seu melhor nível, mas foi sempre a mais regular no court, conseguindo disfarçar a má prestação de Paula Josemaría.

A jovem espanhola, considerada a revelação de 2019 no WPT, nunca esteve muito lomge do seu nível habitual, acumulando erros não forçados sucessivos que foram retirando confiança à dupla terceira cabeça de série no torneio.

O primeiro set durou mais de uma hora e ficou marcado por quebras de serviço constantes. No final, aproveitando a exibição intermitente da parelha luso-espanhola, Brea e González ganharam o set, por 7-5.

O parcial seguinte começou com um break sofrido por Nogueira e Josemaría, mas tal como aconteceu várias vezes ao longo da época, a portuguesa revelou uma enorme maturidade e conseguiu que a espanhola não baixasse os braços. O resultado, foi uma reviravolta na partida, e a vitória no set para a portuense: 6-4.

Com tudo por decidir num terceiro e último parcial, o rumo dos quartos-de-final até parecem começar a cair para o lado de Nogueira e Josemaría, que ganharam uma vantagem de 2-0, mas Brea e González conseguiram quebrar por duas vezes o serviço às adversárias e garantiram o apuramento, com um 6-4.

Sugerir correcção