Detido suspeito de incendiar casa para matar a mãe de 91 anos

A GNR deteve um homem de 52 anos suspeito de homicídio com recurso a fogo posto em residência.

GNR deteve o suspeito
Foto
GNR deteve o suspeito Martim Ramos/Arquivo

O Comando Territorial do Porto da GNR anunciou este domingo a detenção de um homem de 52 anos suspeito de ter assassinado a mãe, de 91 anos, com quem vivia, em Vila do Conde.

Em comunicado, a GNR esclarece que na sequência de uma denúncia de que teria ocorrido um homicídio, com recurso a fogo posto em residência, matando uma mulher de 91 anos, mãe do suspeito, os militares da GNR “de imediato encetaram diligências com o intuito de interceptar o suspeito, que havia fugido do local, o que acabou por acontecer pouco tempo depois”.

“Uma vez detectado, foi o suspeito entregue à Polícia Judiciária que se encontra a proceder à investigação criminal do suposto homicídio”, acrescenta a GNR.

A vítima foi encontrada este sábado de manhã morta na sua casa em Vila Chã, no concelho de Vila do Conde.

Segundo disse ao PÚBLICO, no sábado, fonte do Comando Territorial da GNR do Porto, o alerta foi dado por volta das 12h para a morte de uma mulher “já acima dos 85 anos”. 

Ainda de acordo com essa fonte, foram residentes da mesma habitação a chamar as autoridades.