Grândola, vila de chocolate

É a feira de chocolate do concelho e juntam-se gastronomia, vinhos alentejanos e um mundo de coisas doces, além de encontros com chefs e especialistas. Vai até ser esculpida uma igreja em chocolate. De 8 a 10 de Novembro.

Foto
DR/CM Grândola

A 13.ª Feira do Chocolate de Grândola abre as portas esta sexta-feira para uma edição que quer aliar a gastronomia e os vinhos alentejanos aos sabores do chocolate, com propostas para todos os gostos.

O certame, organizado pela autarquia local, vai contar com a presença de vários chefs portugueses, que, entre sexta-feira e domingo, vão confeccionar vários pratos tendo o chocolate como ingrediente principal.

“O espaço do showcook é sempre muito requisitado pelos visitantes do certame e, este ano, mais uma vez, vamos contar com a presença de chefs conceituados, alguns pela primeira vez, outros repetentes, mas que decerto vão surpreender na confecção de cada prato”, disse à agência Lusa Carina Batista, vereadora da Câmara de Grândola, no litoral alentejano.

Salada de pintada, legumes assados, tomate fresco, frutos secos e chocolate, bola de batata com bacalhau assado, molho de amêijoas e camarão à Bulhão Pato, polvo em aroma de tinto regional, abóbora, alho-porro, acelgas e crocante de cacau vão ser confeccionados ao vivo pelos chefs Vítor Sobral, Marcelo Bento, Manuel Alexandre e Tony Salgado.

Este ano, a organização vai assinalar também o Dia do Enoturismo, no sábado, com uma prova de chocolates com vinhos produzidos no concelho e, no dia da abertura, os visitantes vão ter a oportunidade de assistir “à preparação do típico bolo das rosas, ao qual será acrescentado chocolate, o ingrediente rei”, adiantou.

O evento, que se realiza no Parque de Feiras e Exposições de Grândola, conta com a presença de mais de 60 expositores e tasquinhas “com uma oferta diversificada” para os visitantes, além do programa com animação circense e de rua, gigantones, mascotes, estátuas vivas e espectáculos musicais.

Chocolates artesanais, bombons, espetadas de fruta e chocolate, bolos, licores, crepes e outras tentações à base de chocolate, produzidas de norte a sul do país, farão as delicias do público.

O certame vai contar igualmente com a presença dos chocolatiers Marlene Alexandre e Humberto Lavos, que, durante os três dias da feira, vão esculpir em chocolate a Igreja de Santa Margarida da Serra, no interior do concelho de Grândola, classificada como Monumento de Interesse Público.

Em simultâneo, decorre a Semana Gastronómica do Chocolate e São Martinho em 12 restaurantes do concelho com ementas à base de chocolate, castanhas, batata doce e vinho novo.