Crise Climática Agora

E o mundo volta a sair à rua para salvar o planeta

Sais à rua hoje? Queremos ver o teu protesto. Envia-nos fotografias para publicop3@gmail.com ou publica no Instagram e identifica o P3.

Estocolmo, Suécia TT News Agency
Fotogaleria
Estocolmo, Suécia TT News Agency

Nova Zelândia, Itália, Finlândia, Suíça, Coreia do Sul, Índia, Nepal. O mundo sai à rua para salvar o planeta. Depois de, na semana passada, milhões de pessoas se terem associado ao arranque da semana de Mobilização Global pelo Clima, esta sexta-feira, 27 de Setembro, há uma nova chamada: a Greve Climática Global chega a cerca de 170 países. Na Nova Zelândia, segundo os organizadores locais avançaram à Reuters, 170 mil pessoas saíram à rua. Em Seul, na Coreia do Sul, 500 estudantes manifestaram-se contra a inacção governamental. No Twitter, multiplicam-se os vídeos de ruas atulhadas, como em Roma e Helsínquia. Em Washington, activistas pararam o trânsito. E em Lausanne, na Suíça, manifestantes foram detidos. E pensar que tudo começou com a timoneira Greta Thunberg, que hoje se junta ao protesto em Montreal, no Canadá, onde também estará o primeiro-ministro, Justin Trudeau. 

Por cá, há concentrações confirmadas em cerca de 30 localidades de todo o país, com alguns sindicatos e associações a subscreverem a greve. Depois das acções de 15 de Março e 24 de Maio, as reivindicações mantêm-se e voltam a ser feitas exigências: a principal é a de “cortar 50% das emissões de gases com efeito de estufa até 2030”. E tu, sais à rua hoje? Queremos ver o teu protesto. Envia-nos fotografias para publicop3@gmail.com ou publica no Instagram e identifica o P3.

Turim, Itália
Turim, Itália Alessandro Di Marco/EPA