Encontrado corpo de triatleta desaparecido no rio Minho

O atleta, natural de Barcelos, estava a ser procurado desde domingo.

Rio Minho
Foto
Rio Minho ADRIANO MIRANDA

O corpo do triatleta desaparecido desde domingo no Rio Minho foi encontrado nesta quinta-feira, avançam a RTP3 e a agência Lusa.

De acordo com uma fonte da Polícia Marítima, contactada pela Lusa, o corpo foi avistado pelas 7h10 no rio Minho, em frente às piscinas de Vila Nova de Cerveira.

O atleta, de 23 anos e natural de Barcelos, estava a ser procurado desde domingo, dia em que desapareceu enquanto fazia a travessia do rio Minho, durante o XII Triatlo da Amizade Cerveira-Tomiño, organizado pelos municípios de Vila Nova de Cerveira, Alto Minho, e Tomiño, na Galiza.

No domingo, o presidente da Câmara de Vila Nova de Cerveira, Fernando Nogueira, ouvido pela Lusa, explicou que “a primeira parte da prova incluía a travessia do rio Minho, entre o Espaço Fortaleza, em Goián, na Galiza, e o parque de transição no Cais do Rio Minho, em Vila Nova de Cerveira”. “No primeiro terço da prova, o jovem deixou de ser visto nadar. Os meios de socorro iniciaram de imediato as buscas, mas sem sucesso”, especificou Fernando Nogueira.

O jovem terá tido dificuldades assim que entrou na água e pediu ajuda pouco antes de se afogar. Uma das embarcações de segurança ainda se consegui aproximar do triatleta, mas os seus tripulantes não conseguiram valer-lhe, relata o comandante Juan Díaz, coordenador do dispositivo de busca e salvamento espanhol, à agência Efe. O jovem poderá ter-se sentido indisposto, de acordo com este responsável.

A prova, que contou com cerca de 300 atletas, consistia em nadar 750 metros, fazer 20 quilómetros de bicicleta e completar cinco quilómetros de corrida.

Para as buscas desta quinta-feira estariam destacados 40 operacionais, lanchas, uma delas espanhola, motas de água e botes. Desconhecem-se para já as causas do desaparecimento.