Tão bom como o melhor londrino, escocês ou espanhol: o gin japonês Roku é maravilhoso com ou sem água tónica

Tudo o que os japoneses fazem tende a ser muito bom e bem feito. Não enganam ninguém nem cobram mais do que é decente.

Foto
Russel Cheyne/Reuters

Não é só o calor que puxa pelo gin tónico. É a luz. Ainda ontem estávamos a comer cerejas e a ver a Guerra dos Tronos na sala. Como havia muitas cenas nocturnas, fechei as portadas das janelas para podermos ver o que estava a acontecer. A Maria João disse que não conseguia comer cerejas no escuro. E é verdade: é horrível. A cereja deixa de ser uma cereja, passa a ser uma ideia vaga de uma cereja.